Mesa-redonda: Singularidades e Identidades do mangá em um universo plural

São Paulo - 13 de março de 2024

A Fundação Japão e o Centro de Estudos Japoneses da USP promovem palestra e mesa redonda com os artistas de mangá japoneses Daisaku Tsuru e Ryo Sumiyoshi, em São Paulo. As atividades fazem parte da programação do VII Encontro de Pós-graduandos em Estudos Japoneses da USP, têm entrada gratuita e as inscrições podem ser feitas até 8 de março.

No dia 13, às 9h, os convidados participam da mesa-redonda Singularidades e Identidades do mangá em um universo plural, da qual também participam o antropólogo Prof. Dr. Antonio Motta (UFPE), a jornalista Profa. Dra. Sonia Luyten (USP) e o pesquisador Leonardo Arantes, com mediação da pesquisadora Profa. Dra. Leiko Matsubara (USP).

Sobre os convidados

Daisaku Tsuru


Daisaku Tsuru é docente da Universidade Kyoto Seika, antropólogo cultural e artista de mangá.

Nasceu na província de Okayama em 1968. Doutor em Ciências (2001) pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências da Universidade de Kyoto, desenvolveu pesquisas sobre os rituais tradicionais e a religião dos caçadores-coletores em Camarões como antropólogo cultural e antropólogo ecológico. Ministrou aulas como professor assistente na Faculdade de Humanidades da Universidade de Toyama. Em 2001, foi agraciado com a menção honrosa no Prêmio Afternoon Four Seasons, patrocinado pela Kodansha. Em 2006, “Nachun” iniciou a seriação na revista Monthly Afternoon (Kodansha).

Desenvolve projetos relacionados à representação visual de tipos em equilíbrio entre narrativa e iconografia e criações que utilizam os estudos antropológicos em interface com o mangá. Outros trabalhos representativos incluem “Mushinuyun” e “Ryûjo Senki” (Batalha da mulher dragão). O livro “Pesquisas sobre a diversão: o que explica o boom do entretenimento do ponto de vista global?” (Kadokawa Shoten, 2015), de sua autoria, apresenta análises de mangás, animes, filmes etc de uma perspectiva singular.

Ryo Sumiyoshi

Nasceu em 1988. Participou do design de personagens da série de jogos “Monster Hunter”, na gigante de jogos CAPCOM. Freelancer desde 2015. Obras representativas incluem “Centauros (Jinba)” (『人馬』6 volumes, East Press), “Torso no Bokura” (volumes 1 e 2, Kurofuneko Mix), “Senshi of the Iron World” (6 volumes), serializado na “Monthly Shonen Magazine” da Kodansha) e “MADK”, serializado na Canna (Printemps Shuppan).

Foi responsável pelos cenários dos animais da versão animada do anime Golden Kamuy. Tem experiência como professora na Universidade Kyoto Seika e em Taiwan.

É autora de “Beastman/Anthropomorphism: Tips for Designing Nonhumans” (2021, Genkosha).

Antonio Carlos Mota de Lima

Antropólogo, professor titular da Universidade Federal de Pernambuco. Realizou seus estudos universitários na França. Possui formação em história moderna e contemporânea na Universidade de Paris-Sorbonne e formação doutoral em antropologia social e etnologia na École des Hautes Études enSciences Sociales de Paris. Possui pós-doutorado na Universidade de Oxford, Reino Unido (2015-2017).

De 1998 a 1999, foi pesquisador visitante na Sorbonne e na EHESS de Paris. Em 2003, tornou-se professor colaborador do Programa de Antropologia de Iberoamérica da Universidade de Salamanca (USAL), na Espanha. No período de 2005 a 2008, foi pesquisador visitante na Universidade Complutense de Madrid, na Universidade de Barcelona, na Universidade de La Coruña, no Instituto Superior de Ciência do Trabalho e da Empresa de Lisboa (ISCTE) e no Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa. No período de 2015 a 2016, foi Visiting Scholar e Research Fellow na Universidade de Oxford, no Reino Unido e no LSE Human Rights, da London School of Economics and Political Sciences.

É autor de vários trabalhos publicados no Brasil e no exterior. É consultor ad hoc do CNPq e da CAPES; bolsista de produtividade do CNPq. Fundou o Curso de Bacharelado em Museologia na Universidade Federal de Pernambuco, onde foi coordenador durante o período de 2009 a 2012.

Dirige o Observatório de Museus e Patrimônio (Oservamus) e o Laboratório de Estudos Avançados de Cultura Contemporânea (LEC) na UFPE. Colaborou com o Instituto Brasileiro de Museus (IBRAM/MinC), como consultor no projeto Pontos de Memória.

Foi membro do Conselho Gestor do Sistema Nacional de Museus do Instituto Brasileiro de Museus (IBRAM/MinC); durante 2011 e 2015, foi titular da Comissão Nacional de Incentivo à Cultura (CNIC) do Ministério da Cultura (MinC), na área do patrimônio cultural. Foi titular do Conselho Consultivo do Patrimônio Museológico Nacional do Instituto Nacional de Museus (IBRAM), de 2014 a 2019.

Foi vice-presidente da Associação Brasileira de Antropologia (ABA), gestão 2017 e 2018. É consultor da UNESCO na área do patrimônio cultural. Membro titular do Conselho Consultivo do Patrimônio Histórico Nacional do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) no período de 2016 a 2014. Em 2022, recebeu o prêmio Roquete Pinto de excelência da antropologia brasileira e, em 2024, a distinção outorgada pelo MinC de relevante serviço prestado ao patrimônio cultural brasileiro.

Sonia Maria Bibe Luyten

Doutora em Ciências da Comunicação pela Escola de Comunicações da Universidade de São Paulo, com tese sobre mangá em 1988. Foi professora do Departamento de Jornalismo e Comunicações da ECA/USP (1972-1984). Iniciou o primeiro curso regular universitário de Histórias em Quadrinhos no Brasil e no mundo em 1972, na ECA/USP. Professora convidada da Universidade de Estudos Estrangeiros de Osaka e Tóquio – Japão, Universidade Real de Utrecht- Holanda e da Universidade de Poitiers – França.

Autora de inúmeros artigos e prefácios no Brasil e no exterior e dos livros Mangá, o poder dos quadrinhos japoneses; Cultura Pop Japonesa – mangá e animê.

Fundou o primeiro núcleo de estudos de mangá na Universidade de São Paulo na década de 70, que se transformou na ABRADEMI e obteve vários prêmios por sua pesquisa em histórias em quadrinhos, sendo um deles Honraria do Governo Japonês (2008) pela pesquisa em Cultura Pop Japonesa. É presidente da Comissão de Teses do Troféu HQMIX.

Leiko Matsubara Morales

Professora e pesquisadora do curso de Letras-Japonês do Departamento de Letras Orientais da Universidade de São Paulo. Sua pesquisa está na área de Linguística Aplicada, com foco em estudos sobre bilinguismo e variação linguística, hibridismo cultural no âmbito do ensino-aprendizagem de Japonês como LE/L2, formação de professores e gramaticologia no âmbito da comunidade nipo-brasileira. É pesquisadora visitante das Universidades Sophia e Quioto de Assuntos Estrangeiros, ambos no Japão. Foi vice-diretora do Centro Interdepartamental de Línguas da USP (2011-2015); Coordenadora da Programa de Pós-graduação em Língua, Literatura e Cultura Japonesa da USP (2017-2020); Presidente do Centro de Estudos Nipo-brasileiros (Jinmonken) – (2020-2022).

É vice-presidente da Associação Brasileira de Estudos Japoneses e pesquisa sobre a produção de conteúdo didático de língua e cultura japonesa em ambientes virtuais e a relação da cultura pop com a aprendizagem da língua japonesa.

Leonardo Arantes

Graduado em Letras com habilitação Português/Japonês pela Universidade Estadual Paulista, campus de Assis (FCL/UNESP Assis). Desenvolveu pesquisa de Iniciação Científica por três anos (2016-2019), com o apoio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (PIBIC/CNPq), intitulada: “A História literária à luz das fontes primárias: José Veríssimo e a Educação Nacional”.

É mestrando no Programa de Pós-graduação em Língua, Literatura e Cultura Japonesa da Universidade de São Paulo (USP), desenvolvendo pesquisa sobre gamification.

Mesa-redonda: Singularidades e Identidades do mangá em um universo plural

com Daisaku Tsuru, Ryo Sumiyoshi, Antonio Motta, Sonia Luyten, Leonardo Arantes
Mediação: Leiko Matsubara
Quando: 13 de março de 2024
Horário: das 9h às 11h30
Onde: Prédio de Filosofia e Ciências Sociais, Auditório 14 (capacidade: 144 pessoas)
Endereço: Av. Prof. Luciano Gualberto 315, Cidade Universitária, 05508-010
Inscrições até 8 de março: docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSejkACWfGkGXTvPziqaOWRTlqwReGT1UdTSli1_mthiazJUOA/viewform
Requer apresentação de RG ou documento equivalente para pegar o fone para ouvir a tradução simultânea
Mais informações: sites.google.com/usp.br/vii-epgej/principal

Palestras
Conteúdo Relacionado

Compre agora na Amazon

Seu Nome em Japonês

Cotações de Moedas

  • Dólar: R$ 5,4000
  • Euro: R$ 5,7931
  • Iene: R$ 0,0338
Fonte: BCB (24/06/2024)
Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para personalizar publicidade e produzir estatísticas de acesso de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.