Literatura japonesa contemporânea – Desafios da tradução, panorama do mercado e tendências

São Paulo – 28 de março de 2019

No dia 28 de março de 2019, a Fundação Japão e o Centro Cultural São Paulo (CCSP) promovem o Ponto de Encontro: Literatura japonesa contemporânea – Desafios da tradução, panorama do mercado e tendências. O evento acontece na Praça das Bibliotecas/Espaço Mario Chamie, no CCSP.

O evento promoverá uma discussão acerca da Literatura Japonesa Contemporânea a partir da ótica da tradução, suas tendências e o panorama no mercado brasileiro.

Participam da discussão Angel Bojadsen, diretor editorial da editora Estação Liberdade; Lica Hashimoto, professora de Literatura Japonesa da USP; e Rita Kohl, tradutora literária de japonês.

O evento é gratuito e aberto ao público.

Os participantes

Angel Bojadsen

Estudou história e ciências políticas na Universidade Laval, no Canadá. Trabalhou como roteirista de cinema documentário e como tradutor na Alemanha, França e Brasil. Desde 1993, é diretor editorial da Editora Estação Liberdade. Constituiu uma linha editorial cosmopolita e voltada a literaturas estrangeiras. Entre os japoneses, publicou autores como Natsume Soseki, Jun’ichiro Tanizaki, Yasunari Kawabata, Yasushi Inoue, Haruki Murakami e Yoko Ogawa. Foi presidente da Libre (Liga Brasileira de Editoras) de 2003 a 2005.

Lica Hashimoto

Mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Língua, Literatura e Cultura Japonesa (2005 FFLCH-USP); Doutora em Literatura Brasileira pelo Programa de Pós-Graduação em Literatura Brasileira pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (2012 FFLCH-USP). Bolsista do Ministério da Educação do Japão (atual MEXT) e do Programa de Treinamento de Professores estrangeiros de Língua Japonesa da Fundação Japão, organização vinculada ao Ministério das Relações Exteriores. Atualmente, ministra aulas de Literatura Japonesa no curso de Letras Japonês e no Programa de Pós-Graduação em Língua, Literatura e Cultura Japonesa. Em 2018, foi professora visitante da Tôyô University de Tóquio e realizou aulas e palestras na Kyoto Foreign University, Aichi Prefectual University e Shinshû University de Nagano. Desenvolve funções administrativas de Coordenação do Curso de Letras Japonês, é vice chefe do Departamento de Letras Orientais (DLO) e presidente da Comissão de Acessibilidade da FFLCH-USP. Como pesquisadora, publicou artigos e livros de temas relacionados à Língua e Literaturas Japonesa e Brasileira e traduziu dezenas de obras da literatura japonesa, do clássico ao contemporâneo. Coordena os projetos Análise e tradução de textos literários; Tradição japonesa das narrativas do sobrenatural – hyaku monogatari; As representações dos japoneses e nipo-brasileiros na Literatura Brasileira e o Grupo de conversação português e japonês.

Rita Kohl

Tradutora, intérprete e pesquisadora na área de tradução e literatura japonesa. Formou-se em Letras Japonês/Português pela USP, em 2009, e tem mestrado pelo departamento de Comparative Literature and Culture da Universidade de Tóquio, com pesquisa focada na tradução de literatura japonesa no Brasil. Atualmente, trabalha com tradução de literatura japonesa, tendo traduzido para o português obras de autores como Haruki Murakami, Sayaka Murata e Yoko Ogawa, além de uma peça do dramaturgo Toshiki Okada.

Ponto de Encontro: Literatura japonesa contemporânea – Desafios da tradução, panorama do mercado e tendências

Quando: quinta-feira, 28 de março de 2019
Horário: 19h30
Onde: Centro Cultural São Paulo – Espaço Mário Chamie (Praça das Bibliotecas)
Endereço: Rua Vergueiro, 1000 – Paraíso. São Paulo-SP (próximo à estação Vergueiro)
Classificação: Livre
Mais informações: (11) 3397-4002