Visto de turismo para o Japão

Foi firmado em Tóquio, no dia 2 de fevereiro, memorando entre Brasil e Japão sobre a facilitação de emissão de vistos de múltiplas entradas para portadores de passaportes comuns.

O memorando prevê a concessão de vistos de múltiplas entradas para nacionais de ambos os países, para fins de turismo, com prazo de estada de até 90 dias e prazo de validade de até 3 anos. Espera-se que a medida contribua significativamente para melhorar as condições de concessão de vistos para cidadãos brasileiros e japoneses, impulsionando, dessa forma, o turismo bilateral e reafirmando os laços de amizade dos dois países.

O documento foi assinado pelo Embaixador do Brasil no Japão, André Aranha Corrêa do Lago, e pelo Vice-Ministro das Relações Exteriores do Japão, Yoji Muto. A assinatura do instrumento ocorreu no contexto da visita àquele país do Subsecretário-Geral de Política II do Itamaraty, Embaixador José Alfredo Graça Lima, que chefiou, pelo lado brasileiro, a VI Reunião de Consultas Políticas Brasil-Japão.

Memorando de teor similar entre Brasil e Japão, mas relacionado à concessão de vistos de negócios por até 3 anos, está em vigor desde janeiro de 2012.


Quais são os requisitos para obter o visto?

Para obter o visto de múltiplas entradas, o solicitante deve:

  1. Ter visitado o Japão por curta permanência nos três últimos anos (A comprovação deve ser feita com o passaporte)
  2. Exercer atividade remunerada e renda suficiente.
  3. Ser dependente (cônjuge ou filho(a)) da pessoa que preenche os requisitos do item anterior.

Período de permanência

O período de permanência permitido pode ser de 15 dias, 30 dias ou 90 dias, dependendo da compatibilidade com os requisitos.

  • 90 dias: Exercer atividade remunerada e ter visitado o Japão por curta permanência nos três últimos anos, além de ter renda suficiente para a viagem.
  • 30 dias: Exercer atividade remunerada e ter renda suficiente para a viagem.
  • 15 dias: Ser enquadrado em apenas um dos requisitos.

Validade:

3 anos (poderá ser de 1 ano dependendo do motivo de solicitação).


Como tirar o visto para o Japão?

  1. Escolha o tipo de visto
    O tipo de visto varia de acordo com o propósito da viagem ou do grau de parentesco com um japonês (filhos, netos ou cônjuges) e pode ser de curta ou longa permanência. Por isso, o primeiro passo para tirar o visto, é definir em qual categoria a viagem se encaixa. (Saiba quais são os tipos de visto para o Japão)
  2. Preencha o formulário
    O Formulário de Solicitação de Visto pode ser baixado neste link da Embaixada do Japão e deve ser preenchido com letra de forma ou digitada. Além das informações pessoais, a ficha pede dados da viagem, informações sobre deportações e crimes e precisa ser entregue com uma foto 4,5X4,5 (veja especificações)
  3. Providencie os documentos
    Cada tipo de visto tem uma listagem de documentos necessários como identidade, comprovante de renda e passagens de ida e volta (ou comprovante das reservas). (veja as listas de documentos)
  4. Entregue a solicitação no consulado
    Leve os documentos à embaixada ou ao consulado que atende à sua região e cada escritório de um horário de atendimento específico, de segunda à sexta. Para dar entrada ou retirar o visto é necessária a presença do próprio requerente. Em caso de impossibilidade de comparecimento, serão admitidas solicitações ou retiradas mediante a presença de familiares em primeiro grau (pais, irmãos e cônjuges) munidos de documentação que confirme o parentesco ou de representante com procuração. Também pode ser solicitado por meio de agência de viagens cadastradas junto ao consulado ou à embaixada. (veja lista de consulados e escritórios consulares do Japão no Brasil)
  5. Retire o passaporte e boa viagem!
    O tempo de análise para vistos de curta permanência ou de trânsito é de dois dias e o de longa permanência, em média, quatro dias. No momento da retirada, é efetuado o pagamento da taxa consular, de R$ 16 (visto de trânsito), R$ 67 (visto de uma entrada) ou R$ 133 (visto de múltiplas entradas).

Fontes: Ministério das Relações Exteriores/ Assessoria de Imprensa do Gabinete/ Consulado Geral do Japão em São Paulo


Dúvidas?
Saiba mais sobre vistos para o Japão neste link.

Você pode se interessar também por...