Novos talentos da música japonesa: Mi-Yu


“A música é a base da minha vida”

A cantora japonesa Mi-Yu é natural da província de Toyama e hoje mora em Kanazawa – província pela qual se diz apaixonada. O primeiro single da cantora foi a música Ready Go, com um ritmo mais dançante de J-pop.

Com uma pegada mais romântica, Mi-Yu lançou agora o videoclipe da música “My Hero”, do seu segundo miniálbum. A produção da gravadora ColorMark Music (a mesma da cantora Tsubasa Imamura) reforça o lado J-pop e R&B da cantora.

O videoclipe desse novo single teve a participação do modelo japonês Kenshiro. Com um roteiro simples mas moderno, a história trata de um romance por vídeo chat que leva o casal a um outro plano de sonho e imaginação.

Entrevista: Mi-Yu

Quais são as suas referências musicais?
Eu comecei na carreira artística por causa de uma cantora chamada Ringo Shina. Quando estava na segunda série do colegial eu era muito fã dela, devido à personalidade dela e por suas letras bem ousadas. Desde então, decidi que queria ser cantora como ela.Hoje em dia eu ouço de tudo um pouco. Gosto muito de Charice, Whitney Houston, Ariana Grande e Alicia Keys também.

Quando e como você começou a cantar?
Comecei no colegial, com 16 anos.

O que a música representa na sua vida?
A música é a base da minha vida. É ela que me sustenta e me faz seguir em frente. Tive várias experiências ruins na vida, e foi a música que me salvou em todas elas.

Hoje eu tenho muitos amigos por causa da música e muitas pessoas, como o meu produtor Renato Iwai, que me ajudam a seguir meu caminho. É por essas pessoas que eu canto hoje.

Fale um pouco sobre a proposta do seu primeiro single.
É um miniálbum com 4 músicas. É um miniálbum bem diversificado, onde eu canto rap e música romântica também. Quis mostrar ao meu público as minhas diversas faces.

Quais foram os principais desafios nos primeiros passos da carreira?
Cantar é uma coisa que eu sei fazer. A coisa mais difícil pra mim foi aprender a interagir com o público. O público japonês é um público acostumado com apresentações de entretenimento. Tive que me reinventar para poder agradar esse público. Criar a minha personagem sempre é muito difícil.

No seu novo clipe há algumas cenas mais ousadas. Como foi gravar o vídeo com o modelo Kenshiro?
Quando meu produtor veio com a ideia do videoclipe, a minha primeira reação foi de susto (risos). Mas apesar do susto, achei muito interessante o desafio. Emagreci 5kg em duas semanas pra poder fazer as cenas com o modelo.

Outra coisa muito difícil foi me acostumar a ficar nua na frente de pessoas que não são intimas. Produtores, câmeras, modelo. Tive que deixar a vergonha de lado e me soltar. Contracenar com o Kenshiro foi bem legal. Ele estava um pouco nervoso pois eu estava ali, nua na frente dele, e tínhamos que nos concentrar na cena (risos). Eu me redescobri nessas filmagens e gostei muito do resultado. Faria de novo.

O que você conhece da música brasileira?
Não conheço muito a musica brasileira, mas gostaria de conhecer. Quem tiver alguma sugestão, por favor me manda na minha página oficial no Facebook.

Um recado aos fãs brasileiros: Estou esperando você em Kanazawa. Beijo.

Você pode se interessar também por...