Kagami Biraki

O kagami mochi é uma oferenda aos deuses
O kagami mochi é uma oferenda aos deuses

Como parte dos costumes de ano novo, o dia 11 de janeiro é o dia de retirar o kagami mochi do altar e servir entre os familiares. O kagami mochi é colocado nos altares xintoístas e budistas como oferenda aos deuses.

São dois discos de mochi (bolinho de arroz glutinoso) dispostos um sobre o outro, decorado com uma laranja nipônica (saiba mais sobre as tradições de ano novo no link)

Passadas as celebrações de ano novo, no dia 11 de janeiro, o mochi (bolinho de arroz glutinoso) é repartido – mas não deve ser cortado com faca pois tem conotação negativa, como se estivesse cortando os laços – e os pedaços são servidos no ouzoni, sopa salgada, ou no oshiruko que é um doce preparado com feijão azuki.

A tradição do kagami biraki (鏡開き) também é celebrada com a quebra da tampa do barril de saquê. Acredita-se que seja um ato para trazer boa sorte e é parte das comemorações de casamentos e outras festividades japonesas.