Construção de parque eólico é anunciada pela Honda

Honda deixará de emitir cerca de 2,2 mil toneladas de CO2 por ano
Honda deixará de emitir cerca de 2,2 mil toneladas de CO2 por ano

A Honda Energy do Brasil, subsidiária da Honda Automóveis do Brasil, anunciou o início do projeto de construção de um parque eólico, que será construído na cidade de Xangri-la, no Rio Grande do Sul (RS).

A iniciativa de suprir 100% da demanda de energia elétrica de uma unidade fabril é inédita na Honda e no setor e tem como objetivo minimizar os impactos ambientais. A meta sociambiental da empresa é reduzir em 30%, até 2020, as emissões de CO2 de seus automóveis, motocicletas e produtos de força, e também de seus processos produtivos em todo o mundo, em comparação com os níveis obtidos em 2000.

O projeto receberá investimento inicial de R$100 milhões e deve iniciar suas operações em setembro de 2014. O parque eólico terá capacidade para a geração de 95.000 MW/ano, o equivalente ao consumo de energia de cidades com aproximadamente 35 mil pessoas e à demanda de energia elétrica da planta de Sumaré. “Desde que iniciou a produção no Brasil, em 1976, a Honda tem se empenhado em contribuir com a sociedade brasileira, trabalhando constantemente para minimizar os impactos ambientais de suas atividades. A energia eólica apresenta excelentes resultados, pois não gera CO2 durante a sua produção. Estamos muito satisfeitos em iniciar as obras do parque e avançar mais um passo na utilização de energias renováveis”, destaca Carlos Eigi Miyakuchi, presidente da Honda Energy.

Compre agora na Amazon

Seu Nome em Japonês

Cotações de Moedas

  • Dólar: R$ 5,4416
  • Euro: R$ 5,8198
  • Iene: R$ 0,0341
Fonte: BCB (21/06/2024)
Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para personalizar publicidade e produzir estatísticas de acesso de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.