Asashoryu diz adeus aos ringues em cerimônia

O ex-campeão de sumô Asashoryu, que se aposentou em fevereiro depois de agredir um conhecido em uma boate, deu seu último adeus aos ringues, domingo 3. O lutador mongol de 30 anos detinha o título de yokozuna, a mais alta graduação do sumô.

A cerimônia de despedida aconteceu no estádio Kokugikan, em Tóquio. Asashoryu teve seu o-icho (coque feito no alto da cabeça, utilizado apenas por yokozunas) cortado.

Cerca de 380 personalidades, como o primeiro-ministro da mongólia Sukhbaataryn Batbold, cortaram porções do cabelo do lutador, que permaneceu sentado, de olhos fechados. O mestre de Asashoryu, Takasago, foi quem cortou a última porção do coque.

Em discurso, o ex-campeão disse: “Eu tenho dois corações batendo em meu corpo. A Mongólia me deu à luz e o Japão me criou. Eu amo esses dois países.” Antes de sair, Asashoryu ajoelhou-se e deu um beijo de despedida no ringue.

Você pode se interessar também por...