Cinema japonês vence em duas categorias do Oscar

Okuribito (Departure) é o primeiro filme japonês a ganhar o Oscar de melhor filme estrangeiro

Veja as 12 produções japonesas que já foram indicadas na categoria de melhor filme estrangeiro:
– A harpa da Birmânia (1956),
– Immortal Love (1961),
– Koto (1963),
– Woman in the Dunes (1964),
– Kwaidan – As quatro faces do medo (1965),
– Chieko-sho (1967),
– Dodes’ka-Den (1971),
– Sandakan 8 (1975),
– Kagemusha: The Shadow Warrior (1980),
– Doro no kawa (1981)
– A sombra do samurai (2003)
– Okuribito (2009)

Sábado, 21 de fevereiro, foi um dia glorioso para o cinema japonês. O país não só abocanhou o Oscar de melhor filme em língua estrangeira, com Okuribito (lançado nos EUA como Departures), como também levou o prêmio de melhor curta de animação, com Tsumiki no Ie.

A última produção japonesa premiada foi A viagem de Chihiro (2003), como melhor animação. Samurai: Miyamoto Musashi (1955), Gate of Hell (1954) e Rashomon (1951) também garantiram estatuetas para o país, em categorias especiais, antes do estabelecimento do prêmio de melhor filme em língua estrangeira.

Esta é a primeira vez que produções japonesas recebem duas estatuetas na mesma edição do Oscar. Para ser eleito o melhor estrangeiro, Okuribito teve de superar fortes concorrentes, como o francês The Class e o israelense Waltz with Balshir, considerado por muitos críticos o favorito.

Okuribito mostra a história de um violoncelista desempregado que decide sair de Tóquio e, acompanhado de sua esposa, volta para o povoado onde nasceu. Lá ele trabalha com funerárias.

Veja mais reportagens relacionadas a cinema
.: Erotismo japonês antigo conquista festivais de cinema
.: Cartas de Iwo Jima no Oscar

Você pode se interessar também por...