Especialistas pedem o fechamento da usina nuclear de Kashiwazaki

Um grupo de cientistas japoneses e engenheiros pediram o fechamento da usina nuclear Kashiwazaki-Kariwa, na cidade de Kashiwazaki (Niigata), por causa da possibilidade de um novo terremoto na área.

No dia 16 de julho, a região foi atingida por um forte terremoto de magnitude 6.8, que causou preocupações em relação ao vazamento de material radioativo. Os cientistas temem que novos abalos atinjam a província.

“Esta região está no meio da falha geológica Uetsu-Shinetsu, uma área de forte atividade subterrânea na margem leste do Mar do Japão e tem muitas falhas geológicas”, disse o grupo em comunicado divulgado em Tokyo.

Uma investigação detalhada na usina nuclear e um exame científico do terreno deverá ser iniciado em breve, diz o comunicado. “Porém, eles não devem ser realizados tendo em vista o reinício das operações na usina.”

“Até não confirmarmos o quanto a instalação foi danificada, ele deverá permanecer fechada”, disse Hiromitsu Ino, professor da Universidade de Tokyo, que pertence ao grupo.