Diretor da NHK é preso com maconha

O diretor da emissora pública NHK foi preso acusado de estar portando maconha, disse a polícia. Kimaki Inose, de 46 anos, era diretor do Departamento de Produção de Programas da empresa e alegou que a droga apreendida seria de uso próprio.

A polícia encontrou com Inose 7,1 gramas de maconha. O diretor andava sozinho pelas ruas de Shibuya, Tokyo, por volta das 17h45, quando foi abordado pelos policiais.

A empresa disse que o diretor, que cuida da parte educacional da programação, estava de licença médica por problemas de saúde. “É verdadeiramente ruim que nosso empregado tenha sido preso. Nós iremos confirmar os fatos e negociar com eles com firmeza”, disse a empresa em nota.