Japão e Indonésia fecham acordo de livre-comércio

Japão e Indonésia anunciaram nesta terça-feira um acordo de livre-comércio bilateral entre os dois países. O acordo abrangerá principalmente uma parceria em fornecimento de energia e a eliminação de tarifas de produtos japoneses feitos de aço.

O primeiro-ministro Shinzo Abe e o presidente indonésio Susilo Bambang Yudhoyono concordaram durante o encontro em Tokyo que Jakarta dará total prioridade ao fornecimento de gás e petróleo ao Japão em uma possível crise de demanda energética. Além disso, os líderes concordaram que a Indonésia realizará os já existentes acordos de fornecimento de combustível entre os dois países, mesmo quando houver restrições na exportação.

Em contrapartida, Tokyo irá aumentar a assistência técnica no país em áreas como tecnologia de produção de combustível, medidas de utilização energética e o fornecimento a longo-prazo de petróleo cru, carvão e gás natural. É a primeira vez que o Japão fecha um acordo de livre-comércio com outro país que inclue uma cláusula que assegura o fornecimento de energia.

“Estamos dando importância aos recursos minerais e energéticos como uma maneira de garantir o crescimento econômico sustentável em toda a região, com os dois lados em completa coordenação para promover e facilitar investimentos no setor, e para contribuir para aumentar o suprimento de energia e de recursos naturais”, disseram Abe e Yudhoyono em um discurso em conjunto.