Honda critica BMW

A Honda criticou a BMW Sauber, que irá se utilizar de três pilotos nos treinos livres da próxima temporada. A equipe da montadora alemã confirmou que terá, além de seus dois titulares, o reserva Sebastian Vettel.

Para Nick Fry, chefe do time de Brackley, o revezamento proposto pela rival é ineficaz. O dirigente alega que a medida inevitavelmente tira tempo de pista dos competidores que disputarão a corrida. “Deixamos claro para nossos potenciais reservas e pilotos titulares participarão de todas as sessões de treinos possíveis”, finalizou.