Presa mulher que fazia garota comer lixo

Uma mulher que obrigou a sua enteada de 9 anos a comer lixo foi presa nesta terça-feira por abuso infantil. Noriko Takemura, 36 anos, batia na garota e nas outras duas enteadas diariamente enquanto o marido, pai biológico das três, não estava em casa.

A prisão foi feita depois que Noriko bateu na cara da criança por várias vezes em 16 de setembro derrubando-a e ferindo sua testa, o que demorou três semanas para curar, após a garota ter comprado algo errado do que Noriko havia pedido. O diretor da escola que a garota freqüenta desconfiou da ferida na testa da menina e chamou um centro de consultoria infantil. As três garotas disseram ao centro que eram abusadas quando o pai não estava.

A polícia descobriu que a madrasta obrigava a garota de 9 anos a limpar a casa e comer o lixo do chão.