Preso menor que matou os pais

Foi dada a prisão de um homem de 21 anos acusado de matar os pais quando ainda era menor, na província de Ibaraki. Os promotores disseram à Corte do Distrito de Mito que o réu pensou que matar os pais daria a ele poder para superar o medo que tinha de seu avô, que freqüentemente reprovava o garoto por não fazer nada desde que se formou no colegial.

“O ato foi egoísta já que o réu, mentalmente imaturo, culpou os pais por se tornar isolado da sociedade”, alegaram os promotores, que ainda concluíram que não havia como ignorar a possibilidade de o acusado repetir o ato, já que foi sem remorso. A defesa argumentou que o ele poderia ser reabilitado uma vez que a causa do incidente foi o fato de o menino não ser amado pela família.

Ele matou o pai e a mãe atingindo-os na cabeça com um haltere na noite de 23 de novembro de 2004. Foi diagnosticada uma condição psiquiátrica na qual ele não considera real as suas ações.