Homem e filho são presos por falsificar notas

Um homem de 50 anos, seu filho de 17 e um amigo de seu filho foram presos por suspeita de fabricar, distribuir e utilizar notas falsas de mil ienes. O homem, cujo nome não foi revelado para preservar a identidade do filho, é acusado de forjar cerca de 200 notas utilizando um scanner e uma impressora em sua casa em Matsukawa (Nagano) e também em seu local de trabalho.

Em julho do ano passado, o filho teria dado dez notas ao amigo, que as utilizou para comprar mangás em setembro. O atendente da loja percebeu que a nota era falsa e alertou a polícia. O homem declarou que produzia as notas falsas, mas que não tinha a intenção de utilizá-las. As notas falsas não possuem marca d’água e todas elas possuem o mesmo número de série.