Estados Unidos oferecem 80 mísseis ao Japão

Os Estados Unidos se prontificaram a fornecer até 80 mísseis Patriot ao Japão depois dos testes dos mísseis norte-coreanos no início de julho. Os Patriot serão capazes de interceptar possíveis lançamentos realizados pela Coréia do Norte. O Japão tem a intenção de aceitar a oferta de seu aliado americano e incluirá os mísseis no orçamento para 2007.

O ministério japonês da Defesa previa fabricar os mísseis Patriot Advanced Capability 3 (PAC-3) sob licença até o final da década, mas resolveu comprá-los diretamente dos americanos. Para isso, foi pedido um orçamento de 11,6 bilhões de ienes para 2007.

O PAC-3 é um míssil terra-ar a controle remoto capaz de interceptar mísseis como o Rodong norte-coreano, de alcance de 1,3 mil km. Para a construção de um escudo antimíssil no Japão, a agência irá pedir um orçamento recorde ao governo japonês em 2007, somando 219 bilhões de ienes.

Além dos PAC-3, 9,4 bilhões de ienes serão gastos na atualização de mais dois aviões espiões EP-3 e 1,7 bilhão de ienes em sensores infra-vermelhos para detectar lançamento de mísseis.
Os EP-3 conseguiram detectar os lançamentos do início de julho realizados pela Coréia do Norte.

O dinheiro também será gasto para uma pesquisa conjunta entre Japão e EUA para desenvolvimento de interceptadores marinhos.