BC do Japão não altera política monetária

O Banco Central do Japão manteve a política monetária inalterada e o presidente da instituição não ofereceu qualquer nova indicação sobre o momento em que a taxa de juro voltará a ser elevada. Mas informou que os mercados financeiros não devem descartar a possibilidade de outro aumento.

O conselho de nove membros do BOJ, o BC do Japão na sigla em inglês, votou por unanimidade pela manutenção da taxa em 0,25%. Em entrevista, o presidente do BC do Japão, Toshihiko Fukui, não descartou a possibilidade de o BoJ elevar o juro este ano.

“Não podemos negar a possibilidade (de elevar o juro este ano), mas também não pretendemos garantir que o banco central irá de fato elevar o juro este ano”, disse.