Homem vai preso por atropelar testemunha

Um proprietário de restaurantes de 34 anos, Kiyomi Takahashi, foi condenado a 16 anos de prisão por utilizar seu carro para matar uma testemunha de um acidente de carro ocorrido em Nagoya em dezembro do ano passado. Takahashi estava em seu carro e bateu em um caminhão em um cruzamento no distrito Higashi de Nagoya em 18 de dezembro.

Depois, ainda atropelou Shinichi Matsumoto, que teria visto o acidente e ficou na frente do carro para evitar que Kiyomi escapasse. Takahashi acelerou e o atirou para 300 metros dali, levando-o a morte.