Barreiras serão construídas para deter deslizamentos

O Ministério da Terra decidiu nesta quarta-feira construir escudos protetores em terrenos inclinados de 25 províncias onde deslizamentos de terra causados por terremotos poderiam resultar em acidentes graves.

O projeto, com conclusão prevista em dez anos, começará no ano que vem. Metade dos custos serão arcados pelo governo federal. Dados coletados a cada terremoto facilitaram na hora de decidir em quais espaços serão construídas as barreiras de concreto.

De acordo com o Conselho Central de Prevenção de Desastres, cerca de mil pessoas morreriam em mais de 12 mil casas se um terremoto de grande porte acontecesse na região de Tokyo.