Barrichello abandona GP da França

Antes do Grande Prêmio da França, o brasileiro Rubens Barrichello mostrava um excelente humor, tanto que brincou de dar cabeçadas nos mecânicos da Honda, como Zidane fez na final da Copa do Mundo contra o italiano Materazzi.

Pena que o dia não se resumiu apenas ao boxes da equipe japonesa, já que Barrichello abandonou pela segunda vez em três corridas, desta vez por causa de um problema no motor.

“Tem que apagar, foi um fim de semana ruim em todos os sentidos, desde a batida de sexta até a competitividade. O motor estava fumando, não dá para avaliar agora, mas saí da curva de baixa e o motor perdeu potência”, declarou um mal-humorado Barrichello depois de abandonar a prova.