Sentimento anti-nipônico fez turismo diminuir, diz governo japonês

Os sentimentos anti-Japão que afloram na Coréia do Sul e na China fizeram diminuir o número de turistas nipônicos nesses países, segundo relatório do governo japonês. No geral, o turismo internacional aumentou 3,4% no ano, mas o crescimento freou em maio de 2005, quando Japão e Coréia do Sul entraram em disputas territoriais.

O número de viajantes para o exterior cresceu 9% ou mais por mês entre janeiro e abril do ano passado, em parte por causa da recuperação do medo da SARS em 2004 e pela valorização do iene. No entanto, maio marcou uma maior índice de rejeição a destinos como a China e a Coréia do Sul.