Conselho educacional de Tokyo adverte professores

O conselho educacional de Tokyo advertiu sete professores de escolas públicas metropolitanas esta sexta-feira, dizendo que eles não instruíram seus alunos corretamente a ficar em pé durante a execução do hino nacional nas cerimônias escolares deste ano.

Segundo o conselho, seis dos docentes teriam dito aos estudantes que era escolha deles se lavantarem para cantar o “Kimigayo” nas cerimônias de formatura e início de ano letivo. O outro teria agido de forma “imprópria” durante uma colação de grau, embora não tenham sido fornecidos detalhes.

Desde outubro de 2003, o órgão educacional pede às escolas públicas da metrópole que hasteiem a bandeira do Japão e cantem o Kimigayo durante suas cerimônias. Os professores que se recusam a seguir a diretiva têm enfrentado punições administrativas.