Artista plástico premiado é acusado de plágio

A Agência para Assuntos Culturais do Japão quer cancelar um prêmio dado ao pintor Yoshihiko Wada recentemente. Wada é acusado pelo comitê de seleção do órgão de plagiar a obra do artista plástico italiano Alberto Sughi.

Wada, 66 anos, inicialmente negou ter cometido plágio dizendo que os dois artistas teriam trabalhado “em colaboração”. No entanto, ele concordou no último domingo em devolver o prêmio ao governo.

É a primeira vez que algo deste tipo acontece no Japão. A agência começou uma investigação em maio, após receber uma carta anônima dizendo que as pinturas de Wada eram plágios. Investigadores foram enviados a Roma para apurar a acusação.