Governo japonês estuda implantar TV para estrangeiros

Um painel consultivo do ministério do Exterior japonês concordou terça-feira que emissoras de televisão públicas e privadas deveriam estabelecer um novo canal de língua estrangeira gratuito, com funcionamento 24 horas.

A idéia é que o canal ofereça conteúdo relacionado ao Japão para telespectadores não-nipônicos em outros países. O inglês seria a língua principal, mas línguas asiáticas não foram descartadas para um momento futuro.

Membros do painel defendem que a emissora pública NHK deve ter papel majoritário no negócio.