Primeiro ministro recebe uniforme de astro da seleção japonesa

O primeiro ministro japonês, Junichiro Koizumi, ficou muito feliz ao receber o uniforme do capitão da seleção de futebol, Tsuneyasu Miyamoto, nesta terça-feira, um dia após o técnico Zico anunciar a lista dos 23 atletas que participarão da Copa do Mundo da Alemanha.

Durante o encontro com Zico e Miyamoto, Koizumi comparou o evento futebolístico a uma eleição. “Em uma competição, nunca sabemos os resultados até que nós joguemos. O mesmo vale para as eleições” afirmou o dirigente.

Koizumi opinou sobre a não convocação do atacante Tatsuhiko Kubo, autor de 11 gols com a camisa da seleção em 32 partidas desde 1998. O fato causou polêmica no país, mas o primeiro ministro apoiou a decisão do treinador brasileiro. “Sinto muito por aqueles que não estão na equipe. Mas estou seguro de que Zico sofreu ao fechar a lista. É muito difícil fazer este tipo de escolha”.

O Japão está no mesmo grupo do Brasil no Mundial, e estréia no dia 12 de junho contra a Austrália.

Você pode se interessar também por...