Mulher é presa acusada de assassinar a própria filha

Cinco corpos foram encontrados em um apartamento em Hiratsuka (Kanagawa), levando à prisão Chizuko Okamoto, 54 anos, por ter supostamente matado sua filha, Rikako Okamoto.

Os corpos pertenceriam a Rikako, seu meio-irmão Minehiro Yamauchi, dois bebês recém-nascidos e um menino de 1,20 metro de altura. O caso foi descoberto segunda-feira 2, quando o proprietário do apartamento visitou o local e encontrou dois cadáveres.