Residentes consideram o Japão “perigoso”

Mais de 70% dos residentes no Japão consideram o país um lugar perigoso, segundo pesquisa do Ministério da Infra-estrutura divulgada hoje pelo jornal Mainichi.

Os prinicpais problemas apontados pelos entrevistados foram os desastres naturais, como terremotos e maremotos, acidentes, terrorismo e a a falta de medidas e preparativos para lidar com eventuais desastres.

O total de pessoas que acham o Japão seguro ficou em 23,8%, resultado que mostra que o mito da segurança do país começa a ruir.