Revisão de lei da educação empacada por uma frase

A coalizão governista do Japão, formada pelo Partido Liberal Democrático (do premiê Junichiro Koizumi) e o Novo Komeito, querem propôr no parlamento uma revisão da Lei Fundamental de Educação para incluir uma cláusula que daria um caráter mais “patriótico” ao ensino básico no país.

O problema é que os dois partidos não conseguem concordar com a definição da palavra “patriotismo” que eles colocarão no texto do projeto. Para o PLD, patriotismo seria “uma mente que ama o país”. Já para o Novo Komeito, o significado é “uma mente que acredita que o país é importante”.