Vestindo Harajuku dentro e fora dela

por: Pablo Yuba. Colaboraram: Cláudia Emi, Mariana Spagnuolo e Keijiro Kai

loja-usados-harajuku-ok

Muitos nem mesmo ouviram falar de Harajuku, e mesmo assim vestem peças que foram originalmente imaginadas ali em meio a tantas misturas de cores e estilos.

Conhecida pela concentração brechós, cafés, lojas de moda popular, acessórios e muitas fachadas extravagantes a Ura-Hara (ou Baixa Harajuku) é o ponto de compra onde o acessível se encontra com grifes americanas e europeias que fogem a esse padrão, e o que se vê é essa mistura do público usual e visitantes.

A conhecida moda japonesa é inicialmente testada ali, onde tudo é permitido quando se trata de moda.

Estilistas observam e ajustam suas ideias que logo chegam a suas grifes e após o sucesso, em sua maioria saem da região para a vizinha Shibuya ou Aoyama, ganhando um público mais exigente e especifico. Aqueles com mais sorte, até mesmo o exterior.

Cada vez mais, a moda japonesa se firma na moda mundial. É possível ver influências claras em roupas e combinações que invadem o cotidiano das grandes cidades. O que começou como um lugar de liberdade para se expressar, hoje mostra ao mundo como se libertar quando se trata de visual.

Para saber mais

Conteúdo publicado originalmente na edição #113 da revista Made in Japan.

Você pode se interessar também por...